A cidade fantasma de Fengdu e o caminho das almas

As teorias sobre a vida após a morte são inúmeras. Diferentes culturas mantem diferentes crenças sobre o assunto. O mistério sobre o desconhecido sempre fez com que as pessoas desenvolvessem suas suposições sobre o que está por vir. Todos sabemos que a nossa vida sobre a terra é finita, independente da sua crença. Alguns creem que há vida em outros planos, outros mundos e até mesmo outras formas. Outros nem tanto. Mas o mistério continua.

O desconhecido mexe com as pessoas e perturba a natureza humana de querer saber de tudo. Em algumas crenças se acredita que existam portais que possibilitam que a pessoa retorne para o plano terrestre. E esse é o caso desta história. A Cidade Fantasma de Fengdu, na China, teria recebido esse nome durante a dinastia Han e reuniria varias crenças como o Taoismo e o Budismo. A lenda criada sobre a cidade é bem interessante e antiga.

O começo de tudo

Tudo teria começado quando dois funcionários imperiais chamados Yin Changsheng e Wang Fangping foram para a montanha Ming a fim de exercer suas práticas Taoistas. Durante o processo os dois teriam se tornado imortais. A junção de seus nome se tornou Yinwang que significa Rei do Inferno. Essa denominação trouxe para o local um foco maior direcionado ao submundo.

Crença chinesa

Os chineses acreditam que para seguir seu caminho até a próxima vida, ou vida eterna, é preciso passar por três fases. O primeiro teste seria feito na Ponte do Desamparo. Esse processo iria estabelecer se a alma era boa ou má. Caso ele conseguisse passar pelo arco então sua alma era pura, caso contrario ela era considerada ruim e os demônios a jogariam de lá. Para passar pela ponte existiam algumas diferenças dependendo do sexo, idade e estado civil da pessoa. O segundo passo se trata da Tortura Fantasma na qual a alma seria julgada pelo rei do inferno, Yama, e só passara caso esse permita. Caso consiga passar pelo julgamento de Yama e seguir para a terceira fase a sua alma terá que ir até a frente do Palácio de Tianzi e permanecer de um pé só em uma das pedras por três segundos. Caso o espírito falhasse em sua tarefa ele seria direcionado imediatamente para o inferno.

Os desafios enfrentados pelos mortos no local são muitos, já que teriam que enfrentar o julgamento de seus atos na terra perante o Rei do inferno. Mas para aqueles que conseguissem enfrentar os desafios além de seguirem para a vida eterna poderiam olhar através da torre para suas casas. Um ultimo adeus talvez.

Atualmente a ilha Fengdu é uma atração turística e permite que seus visitantes atravessem a ponte do julgamento.

Gabriel

Analista de sistemas que gasta todo o seu tempo disponível em blogs, por ser o que realmente ama. Estarei sempre trazendo as novidades do mundo e disponibilizando na web para todos os usuários assíduos do Samurai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *