Carros voadores podem chegar ao mercado mais cedo do que você esperava

O sonho de conquistar os céus é algo antigo. Desde os irmãos Wright e de Santos Dumont a aviação só tem evoluído. Ainda sim nós não chegamos ao patamar dos tão sonhados carros voadores. Imagina só você sair de carro voando pelo ares sem ter que encarar um congestionamento?

Sim, seria o sonho de muitas pessoas ter um carro voador. Seria uma ótima forma de recomeçar criar uma indústria baseada em energia sustentável e ecologicamente responsável. Apesar desse sonho parecer distante, foi anunciado pela Terrafugia que um modelo de carro voador já está pronto para te levar as alturas.

Carros voadores

Se você lembra do desenho Os Jetsons, que foi lançado em 1962, você se recordará que essa família futurista andava em carros voadores. Basicamente toda sua sociedade ficava sob as nuvens. Desde muito tempo nós sempre sonhamos em conquistar os céus. Por exemplo, em 1940 o próprio Henry Ford dizia: “A combinação de avião e automóvel está chegando. Você pode achar graça, mas ela virá“.

Curiosamente, 9 anos depois depois dessa citação de Ford, um homem chamado Moultan Taylor realmente chegou a construir um carro voador. Sim, em 1949 surgiu o primeiro carro voador, porém, a ideia não pegou e foram construídos só três modelos. A máquina era basicamente um carro pequeno que se acoplava a um par de asas e estabilizadores.

Da ficção científica para a realidade

Apesar da ideia de carros voadores como os do filme Star Wars e outras franquias de ficção cientifica parecerem um sonho… Protótipos já estão sendo criados. Sim, não estamos falando de planejamento, estamos falando de fase testes e produção. Empresas como a Volvo (que comprou a Terrafugia), Geely, Pal-V e a Aeromobil já possuem esses protótipos. Cada um deles com sua ideia e modelos específicos. Por exemplo, a Pal-V aposta em seus girocoptéros.

Todos eles podem ser “dirigidos” tanto no ar quanto em terra firme. E são funcionais. A maior dificuldade em relação a produção desses veículos é a questão da segurança e do preço. Demandaria não somente um preço alto de produção, como também certificação para tráfego aéreo e terrestre. Também demandaria novas infraestruturas urbanas que possibilitariam decolagens e aterrizagens… Afinal de contas, seria meio complicado fazer isso no meio da cidade.

Futuro próximo

Um dos principais motivos dessas inovações não está ligado ao glamour, mas a praticidade e sustentabilidade.  Colocando de outra maneira, transportes utilizam de inteligência artificial, motores elétricos e que esvaziem os grandes centros são o foco do futuro. O modelo que possivelmente veremos chegar em um futuro muito próximo é o TF-X, que aparece no vídeo acima.

Ele é um veículo que possui asas dobráveis e é compacto o suficiente para caber em uma garagem. O melhor de tudo é que ele não depende de um aeroporto para decolar. Espera-se que a Terrafugia lance o seu primeiro modelo ano que vem, mas calma, ainda vai demorar um pouco para você adquirir seu carro voador. Provavelmente serviços como táxi e transporte público áereo vem primeiro ao público geral.

Gabriel

Analista de sistemas que gasta todo o seu tempo disponível em blogs, por ser o que realmente ama. Estarei sempre trazendo as novidades do mundo e disponibilizando na web para todos os usuários assíduos do Samurai.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *